sexta-feira, 2 de agosto de 2013

PR. SÍLAS MALAFAIA FERVEU DEBATE SOBRE ESTADO LAICO NA GLOBO

Pastor Silas Malafaia marcou presença no último programa ‘Na Moral’, da Rede Globo, exibido na noite desta quinta-feira (1º). Sobre o tema ‘Estado Laico’, ao lado de um padre, um ateu e um babalorixá, pastor Silas não fugiu de nenhuma discussão e levantou questões polêmicas, fazendo jus as suas declarações de que o programa teria um “debate quente”.
O programa de 35 minutos, um resumo de duas horas de gravação, foi – e ainda está sendo – um dos mais comentados nas redes sociais, chegando aos principais tópicos (top trends) do Twitter com a hastag #NaMoral. Leia o comentário do pastor Silas abaixo. 
Polêmicas:
O debate esquentou de verdade quando o pastor e o presidente da maior associação de ateus, Daniel Sotto-Mayor, davam explicações sobre o aumento do número de evangélicos no país. Sotto-Maior atribuiu o acrescimento à “Teologia da Prosperidade”. “Você pega um sujeito que não tem nada e promete que ele vai ser rico. Quando você vê os evangélicos vendendo a sua fé, esse é o carro-chefe”, disse o ateu.
Pastor Silas reagiu na mesma hora: “Então quer dizer que todo evangélico é rico?! Se a gente vende riqueza e a Igreja Evangélica já tem 30/40 anos vendendo riqueza, então tem um bando de otários que continuam lá!”, disparou.
E a discussão foi além. Daniel Sotto-Mayor acusou os governos que se pautaram pela religião de banhar de sangue e oprimir os diferentes. Ao que o pastor Silas respondeu: “Ninguém derramou mais sangue do que aqueles que eram a favor da anulação de Deus da sociedade”.
“Quem deu banho de sangue na humanidade foram aqueles que tinham o ateísmo como base. A revolução que aconteceu na Rússia, que matou mais de 70 milhões de pessoas, a revolução da China, que matou mais de 50 milhões de pessoas, o Pol Pot, agora lá no Camboja, naquela região. Estes camaradas tinham como doutrina a exclusão total da religião”, disse Malafaia.
Sobre a diminuição no número de católicos no Brasil, padre Jorjão explicou que muita gente se dizia católica e que hoje tem outras religiões, enfatizando que é “melhor que sejam bons cristãos do que maus católicos”.
Porém, pastor Silas destacou que o crescimento evangélico acontece graças ao ensino dos pastores. Pois os evangélicos não vivem apenas uma liturgia de culto, mas procuram viver a Bíblia no seu dia a dia.
Ivanir dos Santos, representante das religiões Afro-brasileiras, afirmou que o umbandista tem sofrido preconceito religioso e que a religião tem sido demonizada por outras religiões. Ele também convidou o pastor Silas para participar da Caminhada pela Liberdade Religiosa. O líder evangélico não prometeu que iria, agradeceu o convite e lembrou que os evangélicos já foram alvo de preconceito por parte de outras religiões e que na época não eram convidados para participar de programas televisivos.
Assista:
VÍDEO: GOSPEL MAIS

Sem comentários:

Enviar um comentário

Atenção! Identifique-se para que os seus comentários sejam publicados; comentários abusivos, desrespeitosos e anônimos serão deletados. Nem tente.

Vem aí, dia 20 de novembro, Conferência das "Mulheres com Excelência", em Urbano Santos/MA

Vem aí, dia 20 de novembro, Conferência das "Mulheres com Excelência", em Urbano Santos/MA
Participação da Cantora SARAH FARIAS: Org: Batista Shalom

Vinde & Adorai, em Urbano Santos/MA

Vinde & Adorai, em Urbano Santos/MA