sexta-feira, 18 de julho de 2014

EM JÚRI POPULAR, GUSTAVO DUTRA É CONDENADO A 11(onze) ANOS, 10(dez) MESES E 21(vinte e um) DIAS DE RECLUSÃO

Na última terça feira, dia 15 de julho de 2014, aconteceu a sessão de julgamento de Gustavo Dutra de 21 anos, no Fórum da Comarca de Urbano Santos-MA. 

Gustavo Dutra e Jeferson Fernandes Mendonça “Pé de Bode” foram denunciados pelo Ministério Público Estadual, como incurso nas penas do art. 121, § 2º, inciso IV, do Código Penal, pois conforme narrado na peça acusatória, na manhã do dia 22/06/2013, no bar da Dona Maria Pedrinha, localizado na Rua do Campo, bairro Trizidela, cidade de São Benedito do Rio Preto-MA, os acusados estavam bebendo com a vítima JOSÉ DE JESUS DA CRUZ CORREIA, popularmente conhecido como “JAIR”, quando ocorreu uma discussão entre JEFERSON “Pé de Bode” E JOSÉ DE JESUS “JAIR” (vítima) por causa do pagamento da conta. ( CLIQUE AQUI E REVEJA A MATÉRIA)

MINISTÉRIO PÚBLICO MOSTRANDO A ARMA USADA NO CRIME
Na discussão, JOSÉ DE JESUS “JAIR” desferiu uma garrafada no rosto de JEFERSON “PÉ DE BODE”. Após o fato, JOSÉ DE JESUS “JAIR” escondeu-se atrás de uma casa vizinha ao bar, porém foi perseguido pelos acusados, que o alcançaram e desferiram diversas pauladas na cabeça da vítima, que veio a óbito.

O acusado JEFERSON “PÉ DE BODE” entrou com recurso no Tribunal de Justiça e o acusado GUSTAVO DUTRA foi levado a Júri popular.

No julgamento do acusado GUSTAVO DUTRA, que foi presidido pela Juíza da Comarca, Drª. Odete Mota Trovão, atuou como órgão de acusação, o Promotor Crystian Gonzalez Boucinhas, e como defensor, o advogado José Raimundo Carneiro.


Após os debates entre Promotor (acusação) e o advogado(defesa), o conselho de sentença (jurados) condenou o acusado GUSTAVO DUTRA a 11(onze) ANOS, 10(dez) MESES E 21(vinte e um) dias de reclusão, sendo descontado 1(um) ano pelo fato do acusado já está preso desde junho de 2013.
JUÍZA PROFERINDO A DECISÃO DO RÉU
O agora condenado GUSTAVO DUTRA irá cumprir sua pena na unidade prisional de Chapadinha-MA.

OBS: Em relação ao acusado JEFERSON “PÉ DE BODE”, está se aguardando o resultado do recurso, para saber se irá ou não a julgamento.



Sem comentários:

Enviar um comentário

Atenção! Identifique-se para que os seus comentários sejam publicados; comentários abusivos, desrespeitosos e anônimos serão deletados. Nem tente.