domingo, 7 de setembro de 2014

LOBÃO FILHO REALIZA GRANDE ATO POLÍTICO NA CIDADE DE PARNARAMA

“Chego em Parnarama depois de visitar quatro municípios e chego feliz. O carinho e o abraço de cada um de vocês revigora minhas forças”, disse ao reafirmar que vai governar para cuidar dos quase sete milhões de maranhenses.
Durante a carreata que reuniu centenas de veículos e motos, Lobão Filho chamou a atenção para o descaso e abandono da cidade, “Não é justo e não é legítimo para um governante receber o voto do povo e abandonar a cidade dessa forma. Não tem asfalto, escolas ou se quer obras que justifiquem qualquer trabalho em prol do desenvolvimento da cidade”, lamentou ao lado do ex-prefeito, Raimundinho Silveira a quem chamou de homem do povo. Esse sim, disse ainda o peemedebista, “governou para vocês e vai voltar a governar, porque vamos caminhar juntos e vamos sim trabalhar para trazer de volta a esperança e alegria do povo”. A mentira, o engano e a desesperança não terão mais vez em nosso município, alertou o ex-prefeito e líder político, Raimundinho, “ter um prefeito que governa à distância, morando no estado vizinho e que só visita sua administração quando é conveniente, vai acabar”. "É preciso olhar nos olhos e conhecer seu povo, suas necessidades e, sobretudo as necessidades de seu município", opinou Chiquinho Escórcio, candidato à reeleição na Câmara Federal.

Com pouco mais de 65 anos de emancipação, o município de Parnarama acumula atualmente os piores índices na área da saúde, segurança e educação, itens destacados pelo deputado Gastão Vieira como inadmissíveis. “É uma tristeza chegar aqui e ouvir das mães tantas lamentações e choro pelos filhos que sofrem sem direito a educação de qualidade. Parnarama está órfã mais vamos adotá-la e devolver aos rostos de cada um a alegria”, prometeu o parlamentar.

O sentimento é um só, completou Carlos Filho, candidato a vaga na Assembleia Legislativa,” Lobão Filho surge como nossa grande esperança e vai mudar a realidade e os indicadores dos municípios maranhenses”, concluiu.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Atenção! Identifique-se para que os seus comentários sejam publicados; comentários abusivos, desrespeitosos e anônimos serão deletados. Nem tente.